Tatuagem temporária mede nível de açúcar no sangue

Pesquisadores da Universidade de São Diego, nos Estados Unidos, criaram uma espécie de tatuagem que monitora os níveis de glicose de diabéticos, eliminando a necessidade de picadas nos dedos para as medições.

A equipe de pesquisadores imprimiu eletrodos em papel de tatuagem temporária.

Ele era sincronizado com um aparelho, que indicava em um monitor os níveis de glicemia do paciente.

Após cada refeição, os eletrodos geravam uma corrente elétrica.

Como a glicose é repleta de íons de sódio, com carga positiva, eles eram atraídos pela corrente para a superfície da pele, permitindo que o aparelho leia os níveis do carboidrato no sangue.

Os pesquisadores testaram o aparelho em sete pacientes sem diabetes e descobriram que as medidas feitas pela tatuagem eram consistentes com o método tradicional de picada nos dedos.

Amay Bandodkar, estudante de nanoengenharia na universidade de São Diego que trabalhou no estudo, afirma que cada tatuagem temporária funcionava por um dia, custando alguns centavos para o usuário.

A equipe de pesquisadores espera agora encontrar uma forma para que os sensores funcionem de forma contínua, além de gerar uma leitura numérica do nível de glicose.

Os cientistas também planejam expandir as capacidades do aparelho, que poderia servir como uma forma não invasiva de aplicar medicamentos.

Fonte: https://www.ipele.com.br/revista/8632/tatuagem-tempor%C3%A1ria-mede-n%C3%ADvel-de-a%C3%A7%C3%BAcar-no-sangue